Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



No Alentejo “murakamizo-me”. Escrevo e corro. Escrevo e corro. Escrevo e corro. É um bom lugar para tentar terminar o meu projeto de tese e também para treinar. Passo o dia a tentar escrever e depois tento treinar. Penso no que escrevo, enquanto corro, mas evito pensar em correr, enquanto escrevo. Mas também vejo televisão. Coisa rara para quem já não a tem, mas possível em casa emprestada. Assim, vi o Campeonato do Mundo de Corta-Mato na manhã deste sábado, no canal 2.

Não resisti a fixar-me na TV, quando descobri que a prova, a decorrer em Aarhus, na Dinamarca, contemplava a travessia do telhado com relva do Museu Moesgaard, num percurso de grande exigência, naquilo que é uma tentativa da IAAF de explorar percursos “extremos”, de modo a atrair mais público.

Uma manhã longa, desde as 10h, com o corta-mato misto, até à hora de almoço, com a conclusão da prova de seniores masculinos, onde tivemos um meteórico retorno espiritual de Shakespeare, o grande mestre da arte dramática, na definição das classificações. A última prova levou a um inédito título coletivo ugandês e a um triunfo individual de Joshua Cheptegei, com 31:40, suplantando o também ugandês Jacob Kiplimo e o ex-campeão, o queniano Geoffrey Kamworor, após uma prova taticamente inteligente neste percurso extremamente exigente.

O toque shakespeariano na prova dinamarquesa explica-se porque há dois anos, em Kampala, no Uganda, Cheptegei “estoirou” de tal forma na última volta, quando liderava isolado a prova, que acabou por terminar em 30º, num final de enorme sofrimento, que ainda assim garantiu a medalha de bronze coletiva para o Uganda. Dois anos depois da gigantesca desilusão “caseira”, o novo campeão do Mundo corrigiu os erros cometidos e conquistou finalmente o título mundial. Um argumento ao nível da melhor Shakespeare.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:52


3 comentários

Imagem de perfil

De MJP a 31.03.2019 às 10:02

Aarhus é uma cidade belíssima... a sua descrição recordou-me a minha passagem por lá!
Continuação de boa inspiração (para a escrita e para as corridas)!!!
Imagem de perfil

De JL a 01.04.2019 às 10:43

Obrigado pelo incentivo e pelas simpáticas palavras!

Ainda melhor do que boas recordações, só mais novas viagens... Espero que se concretizem!
Imagem de perfil

De MJP a 01.04.2019 às 10:45

Obrigada!
Sim... viajar é Maravilhoso!!!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Mensagens


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D